quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

"Nessa cidade todo mundo é de Oxum"

Imagem de Oxum, Orixá das águas

Oxum
Sereia de água doce
Mãe de riqueza e do amor
Ora Yeyê Aziri Iyalode
Domina seu Abebé




Foi com o canto de “È D´Oxum” que Gerônimo ficou conhecido na dec de 80. Muito embora, suas músicas já estivessem na boca do povo, conhecidas por outros interpretes, como “Dentro da minha cabeça” e “Mensageiro da alegria”. Ah! Vale lembrar que “É D Oxum” foi trilha sonora da minissérie global “Tenda dos Milagres”, assim quando ele lança “Eu sou negão” no carnaval de 87, logo vira sucesso, se tornando marco do axé music.

Sempre inspirado na cultura negra latina, Gerônimo se envereda com a lambada, fricote e, numa “identidade baiana caribenha” exporta para Europa.Ainda na dec de 80 lança outros discos; “Dandá”, “Dançarino”, “Jubiabá” e “Menino do Pelô”.

Hoje, herdando o conhecimento da “sua formação eclética” do menino tocador de trompa e trompete da Filarmônica de Bom Jesus dos Pobres, onde nasceu, Gerônimo exibe seu encanto na escadaria do Passo- Pelô com o projeto de música livre na Terça-da-benção. Com salsa, jazz, axé e muito suingue “o filho de Oxum” como sempre continua nos envolvendo em sua musicalidade.

8 comentários:

Roselí Nunes disse...

"Em nota musical
lá si
vão
meus ais"
(Dinovaldo Gilioli)

Paula Borges disse...

Uêbaaaaaaaaa nessa cidade com certeza todo mundo é d'oxum

Claudinha Lopes disse...

Oi meu bem... Adorei o blog tá... Vou sempre aparecer,para da uma olhadinha. Adorei as fotos. E com certeza... É d'oxum... E é sempre bom Abraçar e Agradecer... Bjão!!!!

Rafaela disse...

Ta fabulindo! hihihi!!
xero!

jadhy's disse...

você,faz com que a cidade brilhe cada vez mais.Nós mesmo enriquecemos a nossa cultura não deixando ela virar uma simples lembraça. ficou beleza....mesmo não sendo de oxum ( rsrsr )da próxima não esqueça de mim.

Lucas Reis disse...

Essa música descreve muito bem o povo da minha cidade. As características mais marcantes de Oxum estão em todos os traços dos soteropolitanos. A orixá das águas, mas também do amor, do cuidado, da fertilidade, mas também guerreira e sábia... ôpa e não é também uma descrição da alma soteropolitana, com sua hospitalidade, sensualidade, carinho e, claro, hostilidade ao que não lhe agrada, defesa de seu bem-estar?

lucsan disse...

Tá estressado, vai prá lá prás águas "Dela" que vc volta calminho.shroc

Anônimo disse...

Já não aguento mais ouvir dizer que Gerônimo nasceu em Bom Jesus dos Pobres. O nome correto do local onde ele nasceu e cresceu é Ilha de Bom Jesus dos PASSOS.